Nesse show não entra menor
Um homem censurou, tava de mau humor
Não tinha dormido bem, porque não levantou

Pense como ia ser bom
Se nós fizesse um som que ultrapassasse
A barreira das AM, FM e do elevador

Aí sim, dá um selinho
E mostra o seio that you saw
Quando eu te vi o meu calção se abriu
E caiu uma lágrima de um olho, (se for dos dois então é namoro)

Meu cabelo é ruim, mas meu terno é de lin
Vou ser seu salgadinho, 'cê vai gostar de mim
Se eu tocar no seu radin'
Chora até o fim, só pra rimar com 'in
Pois se eu ganhar din din 'cê vai gostar de mim
Se eu tocar no seu radin'

Por favor, seu locutor
Ao menos uma vez, melhor se fossem três
Toca o nosso som aí que tu me faz feliz
Se não tocar eu quebro o seu nariz (eu quebro o seu nariz)
Se não tocar eu quebro o seu nariz

Meu cabelo é ruim, mas meu terno é de lin
Vou ser seu salgadinho, 'cê vai gostar de mim
Se eu tocar no seu radin'
Chora até o fim, só pra rimar com 'in
Pois se eu ganhar din din, 'cê vai gostar de mim
Se eu tocar no seu radin'

Chame, chame, musica, chame now
Chame, chame, musica
Só assim pr'eu tocar no seu radin'


Lyrics submitted by alitoc

"A Mais Pedida" as written by Rodrigo Campos Rodolfo Abrantes

Lyrics © Warner Chappell Music, Inc.

Lyrics powered by LyricFind

A Mais Pedida song meanings
Add your thoughts

3 Comments

sort form View by:

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top