Ainda corria o vento quente vindo do deserto
No terreiro a que chamam Jamâa El Fna, o acender dos lumes iniciou a montagem de dezenas de restaurantes ambulantes, com o cheiro adocicado das especiarias a invadir toda a praça.
Vindos das sombras da Medina, encantadores de serpentes, contadores de histórias, comentadores do Corão, malabaristas, trapezistas, músicos e toda a sorte de batoteiros atraíram uma multidão ociosa, que se arrastava indolente.
Em minutos, Jamâa El Fna deixou de ser uma inóspita praça escaldante e empoeirada para passar a fervilhar de actividade, entre o fumo das cozinhas improvisadas, as luzes das lanternas acabadas de acender, o vozear da turba delirante, o batuque dos tambores ou a melopeia encantatória das flautas...
Era o momento de pôr à prova a destreza de mãos e surripiar umas carteiras!


Lyrics submitted by nuno.coelho

Marraquexe song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain