"Me Lambe" as written by and Rodrigo Campos Rodolfo Abrantes....
O quê o que que essa criança tá fazendo aí toda mocinha?
Vê, já sabe rebolar, e hoje em dia quem não sabe
Se ela der mole eu juro que eu não faço nada
Dá cadeia e é contra o costume
Mas se eu tiver na rua e ela de mão dada com outro cara eu morro de ciúme!
E eu contente com as malvada achando que era o tal
E me aparece essa coisinha

Me dê agora seu telefone, outro dia a gente se liga
Eu quero te levar pra onde dá um frio na barriga
Me fala a verdade, quantos anos você tem?
Eu acho que com a sua idade
Já dá pra brincar de fazer neném

Como a vista é linda da roda gigante é tão grande
Acho que ela viajou que eu era um picolé me lambe
No parque de diversões foi que ela virou mulher das forte
Menina pega a boneca e bota ela de pé

Sinto, amigo, lhe dizer, mas ela é de menor
Isso é crime
Seu guarda, se não fosse eu podia ser pior imagine
O homem de cassetete disse, quando me algemou
Que ela só tinha dezessete e o pai dela era doutor
E que se fosse eu ainda faria igual
Se fosse no ano que vem ia ser normal

Como a vista é linda da roda gigante é tão grande
Acho qeu ela viajou que eu era um picolé me lambe
No parque de diversões foi que ela virou mulher das forte
Menina pega a boneca e bota ela de pé

Como a vista é linda da roda gigante é tão grande
Acho qeu ela viajou que eu era um picolé me lambe
No parque de diversões foi que ela virou mulher das forte
Menina pega a boneca e bota ela de pé

Como a vista é linda da roda gigante é tão grande


Lyrics submitted by alitoc

"Me Lambe" as written by Rodrigo Campos Rodolfo Abrantes

Lyrics © Warner/Chappell Music, Inc.

Lyrics powered by LyricFind

Me Lambe song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain