"Maria Lisboa" as written by and David Mourao Ferreira Alain Oulman....
É varina, usa chinela
Tem movimentos de gata

Na canastra, a caravela
No coração, a fragata
Na canastra, a caravela
No coração, a fragata

Em vez de corvos no xaile
Gaivotas vêm poisar

Quando o vento a leva ao baile
Baila no baile com o mar
Quando o vento a leva ao baile
Baila no baile com o mar

É de conchas o vestido
Tem algas na cabeleira

E nas veias o latido
Do motor de uma traineira
E nas veias o latido
Do motor de uma traineira

Vende sonhos e maresia
Tempestades apregoa
Seu nome próprio, Maria
Seu apelido, Lisboa
Seu nome próprio Maria
Seu apelido Lisboa

Vende sonho e maresia
Tempestades apregoa
Seu nome próprio, Maria
Seu apelido, Lisboa
Seu nome próprio Maria
Seu apelido Lisboa


Lyrics submitted by SongMeanings

"Maria Lisboa" as written by David Mourao Ferreira Alain Oulman

Lyrics © EMI Music Publishing, S.P.A.(SOCIEDADE PORTUGUESA DE AUTORES)

Lyrics powered by LyricFind

Maria Lisboa song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain