"Doçe Vampiro" as written by and Rita Lee Jones Carvalho....
Venha me beijar
Meu doce vampiro
Ou ouu
Na luz do luar
Ãh ahã
Venha sugar o calor
De dentro do meu sangue
Vermeho
Tão vivo tão eterno
Veneno
Que mata sua sede
Que me bebe quente
Como um licor
Brindando a morte e fazendo amor
Meu doce vampiro
Ou ouu
Na luz do luar
Ãh ahã
Me acostumei com você
Sempre reclamando da vida
Me ferindo, me curando
A ferida
Mas nada disso importa
Vou abrir a porta
Pra você entrar
Beija minha boca
Até me matar

Cha lá lá lá
Ou ouu
Cha lá lá lá
Ou ouu

Cha lá lá lá
Ou ouu
Cha lá lá lá
Ou ouu

Ãh ahã
Ou ouu

Ãh ahã
Ou ouu

Ãh ahãh
Ãh ahãh
Me acostumei com você
Sempre reclamando da vida
Me ferindo, me curando
A ferida
Mas nada disso importa
Vou abrir a porta
Pra você entrar
Beija a minha boca
Até me matar
De amor


Lyrics submitted by SongMeanings

"Doçe Vampiro" as written by Rita Lee Jones Carvalho Rita Carvalho

Lyrics © Warner/Chappell Music, Inc.

Lyrics powered by LyricFind

Doçe Vampiro song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain