"Ladrao de Gravata" as written by and Luis Guilherme Brunetta Fontenelle De/netto Araujo....
Vou rimando na velocidade alucinante
Num caminho mais distante
Onde a luz não vai me pegar

A ciência ainda não explica
Porque é que a gente fica
Aqui parado apanhando sem revidar

Vou rimando afobado
Mas não vou ficar parado
É melhor tomar cuidado
Eu também quero bater

E quem não está do meu lado
É melhor ficar ligado
Este jogo está errado
Vou virar, vou vencer

Cata!
Eu quero ver, eu quero ver
Cata!
Vou virar, vou vencer

Cata!
Eu quero ver, eu quero ver
Cata!
Vou virar, vou vencer

Cata, o cara é ladrão de gravata
Só vive atrás de mamata
Achando que aqui tem babaca

Intriga, "k ô", armação, troca de favor, mentira corrupção
Depois aparece na televisão com a cara lavada dizendo que não

A culpa é tua mané, que colocou ele lá, agora sabe qualé ?
Você vai ter que aturar, mas se você percebeu, que ele roubou de você
Então faça como eu, vou virar vou vencer


Lyrics submitted by SongMeanings

"Ladrao de Gravata" as written by Clyeston Hypolito De Oliveira Clyeston Oliveira

Lyrics © Warner/Chappell Music, Inc.

Lyrics powered by LyricFind

Ladrao de Gravata song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain