"Maneco Telecoteco" as written by Vera Lucia Dos Santos Marques and Roberto Lopes Da Costa....
Teco, teleco, teleco, teco
É a batida do maneco
Castigando o tamborim
Teco, teleco, teleco, teco
Tá na crista do sucesso
Até fechar o botequim

Maneco era um sujeito comportado
Educado, sossegado, cidadão trabalhador
Um dia conheceu a Carolina
Uma doçura de menina e aí se apaixonou

Carol não tinha lá muito juízo
E ele ficou no prejuízo
Quando o amor chegou ao fim
Agora chora no boteco
Teleco, telecoteco
Coitado do tamborim

Teco, telecoteco

Agora apareceu uma comadre
Com pinta de madame
Maneco se impressionou
A galera já falou: sai dessa lama
Ela é malandrona, uma tremenda "171"

Cuidado que ela vai sujar teu nome
Quer levar teu telefone
O barraco e o tamborim
Meu Deus do céu, já tá pintando repeteco
E o sucesso do maneco
Está chegando ao fim


Lyrics submitted by SongMeanings

"Maneco Telecoteco" as written by Vera Marques Roberto Lopes

Lyrics © Sony/ATV Music Publishing LLC, Universal Music Publishing Group

Lyrics powered by LyricFind

Maneco Telecoteco song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain