"Requebra" as written by and Jose Carlos Conceicao Do/ramos Nascimento....
Requebra, requebra, requebra assim
Pode falar, pode rir de mim
Pode falar, pode rir de mim
Pode falar, pode rir de mim
Pode falar, pode rir de mim
Requebra!
Deusa de marron
Jeito sensual
Quando ela passa agita a cidade

Pois é carnaval
Pois é carnaval

Eu já falei que te quero,
Não tenho vergonha de te assumir (não, não)
Pois o homem não vive
Se o seu sentimento não admitir
Pode requebrar, pode requebrar

Requebra, requebra, requebra assim
Pode falar, pode rir de mim
Pode falar, pode rir de mim
Pode falar, pode rir de mim
Pode falar, pode rir de mim

Requebra
Faça o que quizer, mas eu não vou te esquecer
Quero você, amor!
Quero você, amor!

Requebra!

Requebra, requebra, requebra assim
Pode falar, pode rir de mim
Pode falar, pode rir de mim
Pode falar, pode rir de mim
Pode falar, pode rir de mim

Requebra
Até no chão!

Embaixo, embaixo, embaixo, ô
Em cima, em cima, em cima, ô
Em cima, em cima, em cima, ô

Vào la mainha!

Embaixo embaixo embaixo, ô


Lyrics submitted by SongMeanings

"Requebra" as written by Jose Carlos Conceicao Do Nascimento Jose Nascimento

Lyrics © Warner/Chappell Music, Inc.

Lyrics powered by LyricFind

Requebra song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain