Eu sou alma, névoa e pensamento
E sou grito que esvoaça e som do vento

Eu sou pranto que rola e dor sentida
E a voz das aves que pelo céu anda perdida
Eu sou orvalho vago ao surgir de aurora
O que no mundo morre, vive e chora

Sonhos de amor, tristeza, dor, mistério
A flor que murcha e morre, além no cemitério

Eu sou o luto que veste este mundo
E a que dorme o sono mais profundo
Em cruz de pedra talhada de amargura
Eu sou do cravo morto o que ficou...

A ternura.

Tudo eu sou - Mágoa e a fatal tormento
Árvore despida e as marcas do tempo
Mágoa e fatal tormento

Mas tenho um altar de estranha imensidade
(Fatal tormento...)
Um anjo azul que adoro, me dá luz e saudade


Lyrics submitted by dawnclover

Fatal Tormento song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain