Ó, vizinho, ora, bom dia
Como vai a saudinha?
Eu não sei falar de amor

Ó, vizinho, e este tempo?
A chuva dá pouco alento
E eu não sei falar de amor

Ó, vizinho, e o carteiro?
Que se engana no correio
E eu não sei falar de amor

E soubesse eu artifícios de falar sem o dizer
Não ia ser tão difícil revelar-te o meu querer
Timidez ata-me a pedras e afunda-me no rio
Quanto mais o amor medra, mais se afoga o desvario
E retrai-se o atrevimento a pequenas bolhas de ar
E o querer deste meu corpo vai sempre parar ao mar

Ó, vizinho, e a novela?
Será que ele ficou com ela?
E eu não sei falar de amor

Ó, vizinho, e o respeito?
Não se leva nada a peito
E eu não sei falar de amor

E soubesse eu artifícios de falar sem o dizer
Não ia ser tão difícil revelar-te o meu querer
Timidez ata-me a pedras e afunda-me no rio
Quanto mais o amor medra, mais se afoga o desvario
E retrai-se o atrevimento a pequenas bolhas de ar
E o querer deste meu corpo vai sempre parar ao mar

Ó, vizinho, então adeus
Vou cuidar de sonhos meus, que eu não sei falar de amor


Lyrics submitted by azeitona

Não Sei Falar de Amor song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain