Olhando pro futuro através de um retrovisor, você pisa fundo e sem direção. Ok, eu também não sei para onde ir e na certa tenho menos que você. Menos trabalho e menos dinheiro. Menos lágrimas e menos certezas. Eu não sei o que diabos me ensinou a jogar tudo fora e estar sempre correndo, seguro de nada. Às vezes perdido em minha própria direção. E cada minuto me ensina a não olhar para trás. Você diz que não pode amar o que eu me tornei e eu digo que há pouco que eu ainda posso amar. Sugo a mesma fruta que você deixa apodrecer. Sinto o cheiro do que você guarda e tenho náuseas. Sugo a mesma fruta que você deixa apodrecer. Não sou chão firme agora. Então, segure-se! Se quiser caminhos que não podem te garantir um destino. Às vezes perdido, em minha própria direção! Ok, eu também não sei pra onde ir e na certa tenho menos que você! Não, eu não me importo e, por favor... Ah esquece!


Lyrics submitted by gustavo_

Amarga A Boca song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain