Eu não ouvi bem
Então vai precisar gritar
Entre o ruído forte
E o silêncio e a morte
Algo que corte essa idéia errada
A minha porta fechada
E o que não me deixa escutar
Da água pro vinho
O rio tinto sobre serra acima
O sangue novo impede a vida de terminar
No começo da queda
É que a vontade de subir se firma
Mesmo que esteja longe demais pra voltar

Melhor acreditar que é imagem
A noite aparece e escurece o brilho dos olhos
Reflete um mundo que a muito adoeceu
Sem palavra que acalme
Sem mentira que cole
Os fragmentos do povo
Que nem com o tempo cresceu
Coberto de razão e de formigas
Se foi mais um herói
Se um preço alto tem a carne
Maior tem o ideal
Gostou da briga acreditando
Que tiro de amor não dói
A ignorância aliviando
O plano material

Melhor acreditar que é miragem
Qualquer vento vai te levar
Pra fora da mente
Já não sou mais eu quem está na direção

Se a dor não sai
Eu simplesmente não lembro mais
Viu, nem me viu
Quem me faz flutuar
Pode andar sobre o mar
E fazer, refazer, começar, terminar

Um dia após o outro
A minha vida se escreve
Por mais que seja um peso leve
Minha pegada afundou
Na corrida do ouro
Segundo lugar não serve
e acomodar com a derrota
E renegar quem eu sou

Melhor que acreditar numa imagem
Qualquer hora eu venho te levar
Clareando a noite
Já não sou mais quem está nessa direção

Se a dor não sai
Eu simplesmente não lembro mais
Viu, nem me viu
Quem me faz flutuar
Pode andar sobre o mar
E fazer, refazer, começar, terminar


Lyrics submitted by Shoot_Me

Não Lembro Mais song meanings
Add your thoughts

No Comments

sort form View by:
  • No Comments

Add your thoughts

Log in now to tell us what you think this song means.

Don’t have an account? Create an account with SongMeanings to post comments, submit lyrics, and more. It’s super easy, we promise!

Back to top
explain